PF realiza ação contra trabalho escravo em Medicilândia/PA.

A Polícia Federal de Altamira realizou nesta quarta-feira 21, uma fiscalização para averiguar denúncia de trabalho escravo em uma fazenda no município de Medicilândia, no sudoeste do Pará.

A fiscalização da PF naquela localidade, foi para apurar uma denúncia de um trabalhador que procurou o Ministério Público Federal alegando que teria trabalhado em uma fazenda e sofrido maus tratos com outros trabalhadores em uma plantação de cacau, onde roçavam a terra e aplicavam veneno. As condições de trabalho, segundo ele, eram péssimas, análogas às de escravidão.

A PF fez diligência até a fazenda, onde entrevistou outros meeiros e diaristas que trabalham na fazenda, mas de acordo com as investigações preliminares, não foram constatadas condições degradantes, conforme a denúncia, e que possíveis irregularidades seriam apenas na esfera trabalhista, segundo apurações preliminares.

A Polícia Federal reafirma seu compromisso com a defesa dos direitos humanos e apuração da verdade dos fatos.

 

Fonte: A Voz do Xingu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *