Cartilha alerta sobre automedicação

uso indevido de medicamentos é um dos principais motivos de internações hospitalares por intoxicação. Para alertar a respeito dos riscos que a prática da automedicação, ou seja, tomar remédios por conta própria sem a avaliação prévia de um profissional traz, a Coordenadoria de Saúde do Tribunal de Justiça do Pará (TJPA) publicou uma cartilha sobre o Uso Racional dos Medicamentos, disponível neste LINK.

O uso racional de medicamentos, segundo a publicação, é o processo pelo qual os indivíduos recebem medicamentos apropriados para suas necessidades clínicas, em doses adequadas às suas características individuais, pelo período adequado, e ao menor custo possível para si e para a sociedade. O indivíduo que toma remédios por conta própria corre o risco de sofrer diversas reações e prejuízos à saúde, que vão desde intoxicações, interações medicamentosas, dependência ou até a morte em casos mais graves.

A cartilha também alerta que a dose do medicamento seja adequada a características como peso, idade e altura do paciente, e apresenta instruções sobre como observar se o nome e a concentração do medicamento são compatíveis com o que foi prescrito na receita médica, além de instruções de armazenamento, cuidados ao tomar medicamentos e orientações sobre como diferenciar medicamentos referência, genéricos e similares equivalentes.

RG 15 / O Impacto com informações do TJPA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *