Policial Militar atira em jovem no município de Breves

Na madrugada da última sexta-feira, 18, por volta de 3h30, o autônomo Waleson Sales Dias, de 28 anos, foi vítima de um disparo feito por um policial militar, do Grupo Tático Operacional, em uma via do município de Breves, na ilha do Marajó.

Segundo testemunhas, o rapaz estava acompanhado de um amigo em uma moto, rindo e brincando. Durante o momento de descontração de ambos, o policial, identificado como Josiel,  discutia com uma mulher e relacionou as risadas dos jovens, com a situação que estava ocorrendo entre ele a a moça. Em seguida, o PM disparou três vezes contra Waleson e o seu amigo.

Waleson foi atingido pelas costas com os tiros, que perfuraram um de seus pulmões e atingiu a coluna cervical. A vítima foi socorrida e encaminhada para a UPA do município.

Segundo o Boletim Médico, ele pode perder os movimentos das pernas caso não seja transferido com urgência à capital paraense, para a realização de exames detalhados, para a necessidade ou não de uma cirurgia.

Após efetuar os disparos, o PM não prestou socorro à vítima e foi embora do local. O Portal Roma News solicitou nota a Polícia Militar e aguarda retorno.

Família

A família informou que o jovem está estável, acordado e conversa.  Segundo Leiliane Sales, de 36 anos, prima de Waleson, que mora em Belém, os familiares residentes em Breves, aguardam a transferência dele para o Hospital Metropolitano até às 12h deste sábado. A vinda de Waleson deve ocorrer de helicóptero.

Eles esperam que investiguem o caso e que o policial tenha a punição devida, assim como o Estado ajude-o no tratamento e dê a atenção que o caso requer.

Fonte: Roma News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *