Aumento nos subsídios dos vereadores é suspenso pela mesa diretora da câmara

Uma polêmica foi gerada no final do ano passado quando o poder legislativo, ainda com vereadores da legislatura anterior, aumentou os subsídios dos vereadores. Houve uma reação forte por parte da população, pois o momento não era oportuno por conta da pandemia, e desse modo a atitude teve que ser repensada. Nesta segunda-feira (18), a mesa diretora tomou então a decisão de suspender o aumento dos subsídios, uma vez que Santarém enfrenta um período de contenção de gastos. O pedido havia sido feito pela bancada do DEM, composta pelos vereadores Erasmo Maia, Jandeilson Pereira e Silvio Neto, no dia 8 de janeiro.

Assinado pelo atual presidente da câmara, Ronan Liberal Jr, o ato suspende o aumento para R$15.000 que tinha sido definido anteriormente pela resolução 02/2020, assinada pelo ex-presidente Emir Aguiar.

 Confira alguns trechos do documento:

Art. 1º Ficam suspensos os efeitos financeiros da resolução nº002, de 16 de dezembro de 2020, que dispões sobre a fixação do subsídio mensal dos Vereadores da Câmara Municipal  de Santarém para o quadriênio 2021/2024, até ulterior deliberação sobre a matéria.

“Parágrafo Único: Os subsídios dos Vereadores para o quadriênio de que trata o caput deste artigo permanecem atrelados à legislação anterior, enquanto durarem os efeitos do presente Ato”.

Art. º Este Ato da Mesa entra em vigor na data de sua publicação.

O ato também foi assinado pelos vereadores Josafá Gonçalves, primeiro secretário;  e Carlos Silva,  segundo secretário.

RG 15 / O Impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *