Cocaína avaliada em R$ 33 milhões teria sido embarcada em Santarém

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu na última terça-feira (10), um casal por suspeita de tráfico de drogas, na rodovia 222, no km 366 em Santa Inês, Maranhão, distante 250 km da capital, São Luis. Segundo os suspeitos a droga foi embarcada no município de Santarém.

De acordo com a PRF, ao serem interrogados do transporte de pneus em uma caminhonete e qual seria o destino, os dois apresentaram nervosismo e levantaram suspeitas dos PRFs.

Durante vistoria no veículo, foi constatado cerca de 276,38 quilos de cocaína armazenados em dois pneus de trator, a qual estava sendo transportada na carroceria da caminhonete. Imediatamente o pneu foi levado a um borracheiro que o esvaziou, dentro 270 tabletes de cocaína, totalizando quase 300 quilos.

A PRF não divulgou o nome dos suspeitos. Em depoimento, a dupla informou que a carga com 270 tabletes foi abastecida em Santarém e teria como destino final o município de Vitória do Mearim, região norte do Estado do Maranhão. A polícia investiga a origem do material ilícito e qual seria o verdadeiro destino da droga.

Motorista da caminhonete

Em entrevista a um canal de televisão, o inspetor da PRF, Antônio Noberto informou que ainda serão calculados os prejuízos causados aos traficantes, mas acredita que pode chegar nos 33 milhões.

“Os agentes são treinados para não deixar passar nada, mesmo na ausência de cão varejador”, finalizou o inspetor.

Veja a seguir a entrevista do Inspetor da PRF, Antônio Noberto:

O Impacto com informações da PRF e G1 MA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.