Avós “entregam” neto suspeito de comercializar entorpecentes em Santarém

No início de quarta-feira (26),  Edelmiro Sousa Neves, mais conhecido como”Miro” foi preso por tráfico de drogas as proximidades da Escola Terezinha de Jesus Rodrigues, no bairro Aeroporto Velho, em Santarém.

Segundo informações da polícia, “Miro” fugiu em uma motocicleta modelo Fan da cor preta, após realizar uma manobra bruscas quando avistou os militares do 3° BPM. Em ato contínuo, foi realizado o cerco ao indivíduo que foi abordado na Alameda Trinta e Dois.

Na revista pessoal foi encontrado 05 (cinco) invólucros transparentes aparentando ser substância conhecida popularmente como maconha. O suspeito não estava em posse de documentos pessoais, e nem do veículo, por isso a PM solicitou que (Miro) os conduzisse ao seu endereço.

De acordo com a PM, o suspeito levou duas viaturas da PM a um endereço errado, com intuito de enganar a polícia, até que revelou o verdadeiro endereço. situado na Avenida Jasmim,  bairro Jardim Santarém.

Motocicleta apreendida

No residência, um casal de idosos, avós do suspeito, permitiram a entrada dos policiais. Bastante debilitados convidaram a guarnição para entrar no imóvel. No quarto do neto desnaturado foi encontrado, além de uma grande quantidade de substâncias de crak, pasta base de cocaína, balança de precisão e materiais para embalar,   confeccionar e  comercializar entorpecentes.

Os avós afirmaram aos policiais que o neto só ia a residência para dormir.   No quarto foram encontrados:

  • 476g de Crak;
  • 12,6g de Maconha;
  • 91 Trouxas de pasta base de cocaina;

Edelmiro Sousa Neves em atitude desesperada, novamente tentou empreender fuga abrindo a porta da viatura e correndo pela avenida, porém sem êxito. O indivíduo juntamente com o material apreendido e a motocicleta foram apresentados na delegacia de Polícia Civil para as medidas cabíveis.

Por Diene Moura

O Impacto – Colaborou Lorenna Morena

Foto: Reprodução TV Impacto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.