Homem é enforcado com a calça e tem moto roubada

O corpo de um homem que estava desaparecido havia três dias foi encontrado despido e enforcado com a própria calça que usava. O cadáver de Yuri Oliveira Vieira, de 26 anos, foi localizado no domingo (19), em um matagal próximo a uma represa, área rural de Xinguara, no sul do Estado. A suspeita é de latrocínio (roubo seguido de morte ou vice-versa), já que a motocicleta da vítima foi apreendida com dois suspeitos, que foram presos.

Conforme testemunhas, na última sexta-feira, 17, quando Yuri foi visto pela última vez numa seresta, quando ele saiu de moto levando outro homem na garupa, principal suspeito do crime e que foi preso com na companhia de um comparsa conduzindo a motocicleta da vítima, uma Honda Pop 100, de cor vermelha.

De acordo com a Polícia Militar, trata-se de um caso de latrocínio, já que os suspeitos foram presos com a moto. Os suspeitos tentaram fugir, porém foram alcançados pela guarnição da Polícia Militar.

Por sua vez, a Polícia Civil suspeita que os dois presos, que não tiveram as identidades reveladas, pretendiam vender a motocicleta da vítima, o que corrobora com a possibilidade de latrocínio.

A Polícia informou também que os dois suspeitos negam a autoria do crime, todavia, segundo a autoridade policial que investiga o caso, há fortes indícios que apontam envolvimento deles no latrocínio. Os dois se encontram detidos na Delegacia de Polícia Civil de Xinguara.

Fonte: Correio de Carajás

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.