Bocão Ed. 845

SÃO RAIMUNDO

O presidente do Clube deve esquecer o orgulho e chamar para trabalhar Jardel Guimarães, Alberto Tolentino, Francis Moura e André Cavalcante. Com esse time, o São Raimundo volta a ganhar titulos e sair da crise. Esse grupo é bom e já provou que sabe trabalhar.

INGRESSO

Recebi uma denúncia de que a empresa 3 K Entretenimentos estaria orientando os porteiros a não rasgarem os canhotos dos estudantes durante a realização dos eventos. Há casos em que os ingressos  eram vendidos no guichê e já vinham amassados, como se tivessem sido utilizados diversas vezes. A pergunta que não quer calar: Em caso da não realização da promoção por motivo fortuito, como os compradores seriam ressarcidos, sem a prova que é o canhoto? A queixa dos estudantes é de que promotores de eventos disponibilizam ingressos inferiores ao mínimo necessário para atender a classe estudantil com meio ingresso, não é de hoje. Em 2010, União dos Estudantes de Ensino Superior de Santarém – UESS fez denúncia nesse sentido ao Ministério Público Estadual, quando o São Raimundo disputava a Série D do Campeonato Brasileiro. Recorrer a quem em casos como esse?

FUTILIDADE

Não é um caso isolado perceber a falta de comprometimento das Câmaras Municipais pelo Brasil afora. Na maior cidade do País, São Paulo, a lei que instruiu o Dia do Orgulho Hétero está pra ser sancionada pelo prefeito Gilberto Kassab. O figurão autor da futilidade é o vereador Carlos Apolinário (DEM). Isso é ou não é falta de comprometimento com o mandato outorgado?

CÂMARA

A Câmara Municipal de Santarém voltou suas atividades, depois de um mês e na volta, nada de novo foi acrescentado, a não ser o apelo do presidente da Casa, vereador José Maria Tapajós, que pediu ao Executivo a remessa dos projetos de lei, relativos ao Código de Obras, Código de Posturas e Parcelamento do Solo Urbano. Essas matérias, inclusive já haviam sido remetidas para apreciação do Legislativo, mas voltaram, a pedido do Executivo. A preocupação de Tapajós é de que no ano que vem não dá pra contar com a presença em massa dos vereadores para votação de assuntos tão importantes.

CÂMARA II

Em ano eleitoral, é cada um por si e Deus por todos. Eles vão estar empenhados com suas reeleições. Se as faltas deles fossem descontadas proporcionalmente, provavelmente a “gazetagem” diminuiria sensivelmente. Alguém duvida? O projeto de lei de iniciativa do Executivo, que cria a Área de Proteção Ambiental do Saubal, já foi encaminhado para a Comissão de Constituição e Justiça para apreciação.

CONSOLAÇÃO

O vice-governador Helenilson Pontes, foi aquinhoado com uma das supersecretarias do governo Simão Jatene. Para alguns observadores, a Secretaria de Gestão, seria digamos, um prêmio de consolação ao vice. Outras quatro distribuídas a Zenaldo Coutinho, Nilson Pinto, Sérgio Leão, e Antônio José Costa Guimarães, teriam mais importância na estrutura organizacional do governo ocupadas por pessoas da sua absoluta confiança.

ESPETADA

O vereador Emir Aguiar deu uma espetada na Coordenadora de Esporte de Lazer do Município, Rita Peloso, que não se importa com a prática esportiva no interior. As atenções, segundo Emir, são voltadas apenas para os 48 bairros da zona urbana de Santarém. De certa forma isso é bom para o vereador, que promove torneios esportivos e aproveita pra tirar a sua casquinha, divulgando o seu nome.

CADÊ A ESCOLA?

A secretária Lucineide Pinheiro tem sido alvo de denúncias que comprometem a sua postura de pessoa proba que sempre passou, durante todo tempo que esteve à frente da Secretaria de Educação Municipal. A mais recente vem do vereador Jailson do Mojuí (PSDB), de que está só o lugar onde deveria ter uma escola com 4 salas de aula na comunidade Castanheira, que segundo Jailson, só está no papel. “Na prática não tem esse investimento”, garante o Vereador. Uma escola com 4 salas de aula, não pode tomar chá de sumiço assim. Uma comissão de moradores da comunidade, tendo à frente o Vereador denunciante, quer saber “cadê a escola”.

CADÊ A ESCOLA?II

A secretária Lucineide que até então não tinha seu nome citado, precisa esclarecer esta questão, e aquela outra denúncia do vereador Erasmo Maia de que 4 escolas foram reformadas sem o processo licitarório, exigido pela lei de licitações, em caso de o Município não estar em estado de emergência. Lucineie certamente tem um bom álibi. Estamos esperando.

MOJUÍ

Uma fonte dos meios políticos, informou à coluna, que está sendo gerada a boca pequena uma coalisão que poderá ser imbatível nas eleições municipais de Mojuí. O PMDB e o PSDB, até então tidos como oponentes, seriam partidos coligados em 2012. Se alguma das partes negar, por se tratar de uma informação de “bastidores”, em caso de vir à tona, eu não vou poder ficar calado sem fazer a devida observação. Será que esta é uma tendência do que há de vir no caso de Santarém? É aguardar pra ver.

MOTOXISTA

“Nós não vamos mais dialogar com o secretário Sandro Lopes”. A afirmação é do presidente do Sindicato dos Mototaxistas de Santarém, Reinaldo Albarado. O desabafo é por conta de não estar sendo cumprido, segundo ele, um acordo firmado em Juízo, de que a Secretaria Municipal de Trânsito ficaria responsável por promover medidas eficazes para acabar com a atividade clandestina. Uma manifestação está prevista ainda para o mês de agosto, com data indefinida.

MOTOXISTA II

Reinaldo vai pedir uma audiência com a Juíza Betânia de Figueiredo Pessoa, para denunciar a falta de ação da Secretaria. Sandro tem anunciado pela imprensa que as ações estão sendo realizadas, mas uma coisa é certa: a situação não tem mudado.

CRISE

Dois grupos considerados grandes já confirmaram que vão querer uma fatia do mercado santareno;  a rede de farmácias Pag Menos e as lojas Marisa. Pra comerciante que tem medo de enfrentar a concorrência é ruim, mas o consumidor vai agradecer. A livre concorrência é salutar em caso de oligopólio.

SOBE

Para a Família Camargo Fona, que mostra nossas belezas através da arte da pintura em cuias e telas, em exposição no Terminal Turístico de Santarém.

DESCE

Para alguns órgãos ligados à cultura, que não apóiam o evento, como a SECULT.

Por: Emanuel Rocha

Um comentário em “Bocão Ed. 845

  • 6 de agosto de 2011 em 16:05
    Permalink

    Falta respeito com o futebol santareno. Os veradores deveriam provocar uma investigação nas receitas e desepesas do clube, para saber se os valores arrecadados foram aplicados com honestidade. Os politicos deveriam defender o São Raimundo junto a Federação e CBF para acabar com esse negocio de impedir jogos em Santarém. A Igreja da Paz promove culto com 10 mil pessoas e não acontece nada. Quando o São Raimundo vai jogar inventam tanta coisa e nada dar certo.Falta moral e politico de prestigio.

    Resposta
  • 6 de agosto de 2011 em 15:45
    Permalink

    Rita Peloso não entende nada de futebol. Tai o resultado o São Raimundo deixando de jogar em Santarém, por falta de competencia e moral. Estadio como o do Indepedndete, Cametá e Trem, estão em piores condições, porém, os times jogam em seus estadio. Maria do Carmo, Everaldo e Rita, são culpados pelo fracasso do time do Ssão Raimundo. Falta politico com moral em nossa cidade.

    Resposta
  • 6 de agosto de 2011 em 08:03
    Permalink

    Quanto ao São Raimundo, é verdade, precisamos de pessoas dinamicas e queiram trabalhar, essa direitoria é medrosa, tem que ser audaciosa e corajosa. Tem que chamar esse pessoal que o bocão identificou.

    Resposta
  • 6 de agosto de 2011 em 08:01
    Permalink

    Desculpa bocão, gosto de vc com pimenta, dando porrada, está muito tecnico.

    Resposta
  • 5 de agosto de 2011 em 15:37
    Permalink

    acredito que a resposnabilidade não é da professora Lucineide e sim da Prefeita e do Secretario de Planejamento.Eles que mandam no dinheiro a professor é responsavel pela educação e não pela execução de obra

    Resposta
  • 5 de agosto de 2011 em 15:34
    Permalink

    È GRAVE A DENUNCIA DAS ESCOLAS, SERÁ QUE ALGUEM VAI APURAR?

    Resposta
  • 5 de agosto de 2011 em 10:05
    Permalink

    Sou da família Fonna e agradeço o carinho do Bocão pela divulgação do trabalho que os artistas estão fazendo.

    Resposta
  • 5 de agosto de 2011 em 09:37
    Permalink

    Os dois grandes grupos citados já estão vendo a oportunidade com a aprovação do Estado do Tapajós, são apenas os primeiros, com a aprovação muitos outros virão, gerando empregos e prosperidade ao nosso novo estado. SIM ao TAPAJÓS!!!

    Resposta
  • 5 de agosto de 2011 em 09:33
    Permalink

    Não só Sandro Lopes, mas os demais governantes também devem levar a sério a questão dos mototaxistas, o trãnsito em Santarém está cada vez mais perigoso. O aumento de mototaxistas se deve à falta de empregos na cidade e ao pe´ssimo serviço de transporte coletivo oferecido. Deve ser realizado melhor planejamento no trânsito, exigir um serviço melhor das frotas de ônibus e a política de autorizados a circular como mototaxistas deve ser revista.

    Resposta
  • 5 de agosto de 2011 em 09:26
    Permalink

    O Jornal O Impacto é o único jornal que escancara as verdades denunciadas, não tem medo e é imparcial. As denúncias devem ser apuradas e os culpados punidos, é um absurdo nosso país ser governado por tantos corruptos, essa Lucineide Pinheiro têm que devolver o recurso público desviado.

    Resposta
  • 4 de agosto de 2011 em 18:41
    Permalink

    Realmente o São Raimundo não é nada sem Jardel Guimarães e Alberto Tolentino. Eles dão o sangue pelo pantera. SEm eles o time só vai afundar cada vez mais. É pra tirar o chapéu!

    Resposta
  • 4 de agosto de 2011 em 18:37
    Permalink

    Que venham grandes lojas, redes de supermercados pra nossa cidade. A arigosada tá faturando. E os bam bam bam de Santarém fazem de tudo pra impedir a entrada de grandes redes em nossa cidade. Chega!!! Cesta básica tá um absurdo aqui em Santarém. O povo só trabalha pra comer. Que venha Marisa, Americana, Carrefour, Supermercado Yamada, precisamos disso. CHEGA DE MONOPÓLIO!

    Resposta
  • 4 de agosto de 2011 em 18:28
    Permalink

    Esse vereador Jailson do Mojui tem futuro. Muita gente comenta bem desse homem. Precisamos de gente igual a ele, sem medo de colocar a boca no trombone. Essa secretaria de educação é só robalheira. Tá na hora do Ministério Público colocar em cima dessa secretaria que vão descobrir muita sujeira. Lucineide Pinheiro FOOOOORA!

    Resposta
  • 4 de agosto de 2011 em 18:22
    Permalink

    Ainda achei muito o tal do vice governador ganhar alguma secretaria. Do jeito que ele carrega um rei na barriga, era pra trabalhar sua imagem, e não fingir de trabalhar em alguma secretaria. Ei vice se toca, tá na hora!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *