Desencontro de informações adia votação do contrato de renovação entre Prefeitura e Cosanpa‏

Câmara Municipal de Santarém

Um conflito de informações entre a Prefeitura e a Cosanpa motivou pedido de vistas ao projeto de lei que autoriza o Município a renovar contrato por mais 10 anos. O autor do pedido de vistas é o vereador Henderson Pinto. Ele disse ter sido informado pelo presidente da Cosanpa, Antônio Braga, que a Prefeita havia assinado preliminarmente um “Termo de Compromisso”, de que o novo prazo do convênio seria de 20 anos.

A divergência está no fato de que o projeto de Lei em discussão na Câmara Municipal é de apenas 10 anos. O autor do pedido disse que “a vereadora Marcela Tolentino perguntou à prefeita Maria do Carmo sobre o assunto, e a Prefeita garantiu que não existe esse Termo de Compromisso”, informou Henderson.

Outro motivo, foi o fato de a discussão estar sendo feita “a toque de caixa”. Henderson lembrou que a oposição não se curva às pressões para apressar projetos que são de interesse coletivo, que não sejam bem, discutidos.

Algumas emendas do próprio Vereador, e dos vereadores Valdir Matias Junior e Carlos Jaime, precisam ser debatidas com mais calma.

Henderson acha interessante a proposta do vereador Carlos Jaime, que cria o Conselho gestor. Outras propostas como a instalação de hidrômetros, e metas para a substituição da rede de amianto e instalação de sistema de esgoto, também estão sendo avaliadas.

Diante do impasse, foi consenso entre os pares, que o presidente do Cosanpa deveria ser ouvido para dirimir as dúvidas que surgiram diante da dilatação do prazo principalmente. A reunião com Antônio Braga vai acontecer hoje, à 17 horas, no prédio da Câmara de Vereadores.

O vereador Henderson disse que conversou com o presidente da Cosanpa, de quem ouviu que será difícil conseguir financiamento junto à Caixa Econômica Federal, principalmente do ponto de vista administrativo do órgão, como a proposta que tramita na Câmara.

Para o autor do pedido de vistas, todas as divergências deverão debatidas na reunião do final da tarde de hoje.

O Projeto deverá ser aprovado na segunda-feira da semana que vem, mas não tudo depende desse encontro.

Fonte: RG 15/O Impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *