Estudantes do ensino fundamental visitam o Jornal O Impacto

A curiosidade em saber como é feito o jornalismo impresso levou 18 alunos da Escola Mun. de Ens. Fund. de Nsra. de Fátima, do bairro do Laguinho ao jornal O IMPACTO, na tarde de ontem (29). Essa visita também foi uma dinâmica da oficina de jornal impresso, do Programa Mais Educação, ministrado pela instrutora Hiroko Singaki. “É importante mostrar a funcionalidade desde a produção, o que ocorre na redação até a fase final, a impressão do jornal”.

Na redação, os alunos visualizaram as ferramentas básicas para estruturar o conteúdo do jornal impresso. A repórter, Alciane Ayres explicou aos alunos, as etapas da busca da informação, como selecionar os pontos dentro de uma matéria que do interesse público, os obstáculos enfrentados pelo profissional fora da redação. “Nós devemos checar com cuidado todas as informações e ouvir todos os lados possíveis antes de escrever o texto e publicá-lo. O jornalista tem o dever de informar a sociedade de todos os fatos seja bom ou ruim. Mas, é uma tarefa de inúmeros desafios”.

A estudante, Ana Paula Batista Viana (9) ficou entusiasmada com as atividades que são feitas dentro da redação do jornal, O IMPACTO. Ela disse que gostaria da existência de uma biblioteca com livros e jornais, na escola municipal. “Eu gosto muito de ler na sala de aula e em casa. Mas, lá na escola não tem biblioteca e fica difícil de ler livros e muitos menos jornais”.

A visita dos estudantes chegou a gráfica do O IMPACTO. Eles conversaram com o operador Ivan dos Santos Almeida que explicou o tipo de máquina de impressão utilizada e as fases do processo para encadernação do jornal. “O modelo dessa máquina é a Catu Sat 511, o número de exemplares que sai dessa ferramenta, é 2.250. Após passar pelo processo de encadernação vai parar cedinho nas bancas, todas as sextas-feiras”.

Acompanhar a tecnologia é necessário. E nessa linha moderna, O IMPACTO, está há 2 anos na rede mundial, a internet. No endereço eletrônico, (www.oimpacto.com.br), é postado material atualizado. O encarregado das postagens Francis Assis, explica aos alunos como funciona a seleção das matérias a serem postadas na página eletrônica e a freqüência dos acessos. “Nós trabalhamos para publicar a notícia o mais rápido possível e a resposta do internauta vem com muita agilidade, isso é contabilizado nos acessos”.

O Estudante Diego Marcos dos Santos (13) ficou atento a agilidade do Francis em postar e logo localizou uma informação bastante discutida na cidade, as invasões. “Essa aí, é sobre a invasão perto do aeroporto, todo mundo fala na escola que tem muita gente sofrendo lá”.

A direção do jornal, O IMPACTO, Admilton Almeida ficou grato “em nome de toda a equipe pelo interesse da instrutora  e dos estudantes do município no fazer jornalismo. E por depositar crédito no trabalho dos profissionais do O IMPACTO”. Uma excelente equipe.

Por: Alciane ayres

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *