Justiça de Altamira afasta Prefeito de Vitória do Xingu

Liberalino Neto estava preso e foi libertado na 2ª feira

Em resposta a pedido feito pelo Ministério Público Federal (MPF), a juíza federal do município de Altamira, Lucyana Said Daibes Pereira, ordenou afastamento por 90 dias do prefeito do município de Vitória do Xingu, Liberalino Neto, e de diversos secretários municipais. Ele é acusado pela Controladoria-Geral da União (CGU) e pelo MPF de chefiar uma quadrilha que desviou mais de R$ 17 milhões da União.

As acusações contra o Prefeito são tão graves que ele ficou preso preventivamente nos últimos 60 dias. Foi libertado anteontem pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), que concedeu habeas-corpus em seu favor, mas impediu seu retorno ao cargo de Prefeito.

Além de Liberalino, foram afastados Roseli Aparecida de Almeida Braga, primeira-dama e secretária de Saúde; Aldir Nazário de Carvalho, secretário de Obras; Helton Wagner Lisardo, secretário de Finanças e Carlos Alberto Gama de Almeida, Benedito da Silva e Etieli Rodrigues Moraes, da Comissão de Licitações de Vitória do Xingu.

Fonte: DOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *