Assaltantes morrem em troca de tiros com polícia

Assaltantes mortos no confronto com a PM
Cinco assaltantes mortos que faziam parte de uma quadrilha perigosa que estava atuando na região

Logo no início da manhã de terça-feira (26) nossa reportagem chegou ao local, onde um grupo de populares acompanhava o resultado de uma operação que deixou saldo negativo para uma quadrilha especializada em assaltos. Os criminosos estavam em uma casa que fica no bairro Vitória Régia, no Ramal do Jacarezinho, em Itaituba, oeste do Pará. Pelo menos quatro viaturas e cerca de vinte policiais militares foram empregados na operação, que finaliza a primeira etapa de uma investigação iniciada por conta de sucessivos assaltos que vêm acontecendo em Itaituba e região. Dois deles aconteceram na segunda-feira (25), em uma loja de compra de ouro e uma agência de viagens.

Logo depois do assalto à agência, a Polícia passou a monitorar o bando com o auxílio de um informante, que deu a localização. Inclusive, a casa onde a quadrilha foi encontrada já é conhecida por ser utilizada como QG de bandidos. No ano passado, neste local, foram apreendidos mais de seis quilos de drogas.

Policiais que participaram da operação que desbaratou quadrilha de assaltantes
Policiais que participaram da operação que desbaratou quadrilha de assaltantes

Na terça-feira (26) nossa reportagem teve acesso ao interior da residência, onde estava o resultado de um confronto ocorrido no fim da madrugada, que terminou com a morte de integrantes da quadrilha. Três corpos estavam na sala e dois no quarto. Quatro elementos eram oriundos de Altamira e um de Castelo de Sonhos. No local também foram encontrados uniformes de várias empresas e até da companhia elétrica; três pistolas, incluindo uma de uso restrito com a numeração raspada; duas motos, aparelhos celulares e vários outros objetos. O que também chamou a atenção foram os radiocomunicadores com a freqüência da Polícia.

Nos últimos meses, o aumento no número de assaltos em Itaituba fez a Polícia elaborar um planejamento estratégico e monitorar pessoas suspeitas que já tenham tido passagem pelos registros policiais. Nas últimas duas semanas, pelo menos oito motos foram roubadas. Algumas foram utilizadas em assaltos, depois abandonadas. No último sábado, a Justiça concedeu saída temporária a vários internos das casas penais, e isso fez a Polícia redobrar a vigilância. No último domingo, um preso que saiu no indulto foi assassinado a tiros no centro de Itaituba. Já na segunda-feira, aconteceram outros assaltos, e agora o confronto com a Polícia. Segundo o comandante da operação, o trabalho vai continuar, com o objetivo de identificar outros integrantes da quadrilha. Com informações e fotos de Mauro Torres.

Por: Nazareno Santos

 

 

4 comentários em “Assaltantes morrem em troca de tiros com polícia

  • 28 de julho de 2016 em 11:07
    Permalink

    Muito infeliz o termo utilizado pelo escritor da matéria que, ao narrar uma ação policial que devo partir do princípio que foi legítima, relata a ocorrência de uma CHACINA desvalorizando toda a bravura dos policiais envolvidos. Parabéns à Polícia Militar de Itaituba, todos deveriam ganhar medalhas de honra.

    Resposta
  • 28 de julho de 2016 em 02:47
    Permalink

    Me desculpem, mais trocar tiros com o Policial Militar, queriam morrer mesmo, agora o termo “chacina” é pejorativo demais, não creio que os PMs tenham feito isso, teve o revide, para ganhar de bandido tem que ser mais forte que eles. Também creio que o Jota Parente tenha se equivocado conheço muito meu amigo e jornalista JP, é sério e integro.

    Resposta
  • 26 de julho de 2016 em 13:29
    Permalink

    Segundo o pai do Burros, chacina é: “Ação de matar várias pessoas ao mesmo tempo, uma forma de assassinato cruel e brutal, caracterizado também como um massacre.”…não meu amigo…esse título da matéria deveria ser algo mais que representasse a bravura e a ação desses homens que agiram contra esses meliantes. Eles não mataram porque quiseram…fizeram e fazem justamente aquilo que foram treinados.
    Menos cinco para aterrorizar a vida da população.

    Resposta
  • 26 de julho de 2016 em 10:38
    Permalink

    Parabéns para a policia militar e civil pelo excelente trabalho, quanto menos bandidos nas ruas melhor.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *