Helder lidera na primeira pesquisa Doxa em Altamira

Na primeira pesquisa Doxa realizada este ano no município de Altamira, sudoeste do Pará, o pré-candidato a governador pelo MDB, Helder Barbalho, lidera com folga as intenções de voto no município, com 32,6%, na pesquisa estimulada. Em segundo lugar, vem o pré-candidato do PT, senador Paulo Rocha, que aparece com 13,7%.

O pré-candidato candidato da situação, deputado Márcio Miranda (DEM), é o terceiro colocado e tem 6,9% das intenções de votos dos eleitores altamirenses. Sidney Rosa (PSB) está em empate técnico com Miranda e tem 6%. O pré-candidato do PSOL, Fernando Carneiro, recebeu a citação de 2,1% dos eleitores entrevistados. O percentual de indecisos e dos que pretendem anular o voto ou votar em branco chega a 38,7%.

A pesquisa, realizada entre os dias 21 e 24 de março de 2018, mostrou ainda que a esmagadora maioria dos eleitores de Altamira desconhece os nomes dos possíveis candidatos ao governo do Pará. Na medição espontânea, onde os nomes não são apresentados ao eleitor, Helder Barbalho ainda aparece em primeiro lugar, mas com apenas 3,4% dos votos. Sidney Rosa tem 0,9%, enquanto Márcio Miranda e Paulo Rocha aparecem com somente 0,4% das intenções de voto. Nada menos que 89,7% ainda não sabem em quem votar para governador na eleição deste ano.

Pesquisa mede também a rejeição dos candidatos

Os entrevistadores da Doxa quiseram saber, também, como anda a rejeição dos principais nomes que estão colocados na corrida ao governo paraense. Nesse quesito, a liderança também é de Helder Barbalho, que tem a rejeição de 24,9% dos eleitores altamirenses, que dizem não votar nele de jeito nenhum. Logo atrás, vem Paulo Rocha, rejeitado por 22,7% do eleitorado de Altamira. Márcio Miranda ficou com 7,7%, Fernando Carneiro com 7,3% e Sidney Rosa é o menos rejeitado, com 6,4%.

O número de entrevistados que declararam não saber ou que não responderam à pergunta ficou em 20,2%. Os que não rejeitam nenhum candidato ficaram em 1,7%, enquanto 9% declararam que rejeitam todos os candidatos.

Pesquisa para o Senado

O levantamento da Doxa Pesquisa mediu também o humor do eleitor de Altamira, quanto à eleição para o Senado da República, que, neste ano, será renovado em dois terços de suas cadeiras. Jader Barbalho (MDB) é, segundo a pesquisa, o mais votado na cidade, com 18,6% das intenções de voto. O atual deputado federal Zé Geraldo, pré-candidato do PT a senador, vem em segundo lugar, com 15,5% dos votos. O terceiro é Mário Couto (PP), que recebeu a declaração de voto de 9,1% dos entrevistados.

Blogueiro Xaropinho do Povo aparece em quarto lugar na disputa ao Senado

Na sequência, aparecem o blogueiro conhecido como Xaropinho do Povo (sem partido), com 7,2%; Flexa Ribeiro (PSDB), com 6,2%; Arnaldo Jordy (PPS), com 3,9%; Zequinha Marinho (PSC), com 3,1%; Jarbas Vasconcelos (PV), com 2,9%; Marinor Brito (PSOL), com 1,9%; e Lúcio Vale (PR), com 1,6%. Os que não sabem, não responderam ou disseram que vão votar branco ou nulo somam 30,1%.

Pesquisa mede aprovação do prefeito Juvenil

A Doxa quis ouvir também a opinião dos entrevistados uma avaliação da gestão do prefeito de Altamira, Domingos Juvenil (MDB). De acordo com os números apurados, o governo municipal é aprovado por 23,2% dos altamirenses, enquanto 44,5% reprovam a gestão de Juvenil. Os que avaliam o governo como regular somam 31,3%, segundo o intituto.

Para 47,2% da população, a violência/insegurança é o principal problema enfrentado hoje na cidade. A Saúde vem em segundo lugar, sendo a maior dificuldade para os habitantes de Altamira, na opinião de 12% dos entrevistados. O terceiro maior problema é o desemprego, ocasionado pela falta de indústrias, segundo 10,7% das pessoas ouvidas pelos entrevistadores da Doxa.

Dados técnicos da pesquisa

A primeira pesquisa Doxa, no município de Altamira, para aferir as intenções de voto para as eleições 2018, bem como para avaliar o governo municipal, foi realizada entre os dias 21 a 24 de março de 2018. A amostra foi de 600 entrevistas, tendo como margem de erro 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos do resultado final. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o nº PA-07425/2018.

Fonte: RG 15/O Impacto e Doxa Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *