Júri é cancelado por falta de Promotor

Juiz Gabriel Veloso deverá comunicar o fato às Corregedorias do MP e TJPA.

A sessão do Tribunal do Júri que deveria acontecer nesta terça-feira (08), na Comarca de Santarém, no oeste do Pará, foi cancelada em virtude da ausência de um Promotor Público para atuar no caso. O juiz Gabriel Veloso de Araújo foi informado, somente hoje, que não haveria Promotor para atuar na sessão, por problemas internos do MP em relação à definição de quem seria escalado.

Na verdade, há duas promotorias que atuam junto à 3ª Vara Criminal e, atualmente, os dois promotores também respondem por outras promotorias. Um deles está atuando na Operação Perfuga e o outro acumula uma Promotoria em Faro.

Segundo informações chegadas ao Magistrado, teria havido o acordo com um terceiro Promotor para substituir os colegas, mas por algum motivo isso não foi cumprido e a sessão do júri foi prejudicada. O juiz Gabriel Veloso de Araújo deverá comunicar o fato às Corregedorias do MP e do TJPA, a fim de evitar que a situação se repita nos próximos júris marcados.

Fonte: RG 15/O Impacto e TJPA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *