Prefeito Nélio autoriza investimento de R$ 6,8 milhões em 11 escolas municipais

O prefeito de Santarém, Nélio Aguiar, assinou na manhã de quarta-feira (16) Ordens de Serviço para reconstrução, ampliação e reforma de onze escolas da rede municipal de ensino. 97% desse investimento serão executados em escolas localizadas em bairros periféricos. Cerca de 1/3 dessas escolas estão localizadas nas grandes áreas do Santarenzinho e do Maracanã.

A cerimônia de assinatura ocorreu no auditório do Centro Municipal de Informação e Educação Ambiental (CIAM) e contou ainda com a presença do vice-prefeito José Maria Tapajós, da secretária de educação, Mara Belo, e representantes dos bairros beneficiados. O investimento no valor total de R$ 6.895.860,82, é proveniente do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

O prefeito Nélio destacou o compromisso do governo com a educação e disse que as obras são resultado de muito esforço e equilíbrio fiscal por parte do governo. “A gente trabalha de forma planejada. A gente consegue ter equilíbrio e recurso para pagar em dia o salário dos nosso servidores, pra pagar o piso nacional dos professores  e ainda sobrar recursos pra gente fazer os investimentos necessários na rede municipal de ensino, no transporte, na mobília escolar, e fazer investimento também na estrutura física dos prédios, para que a gente possa oferecer condições dignas pra garantir o direito à educação das nossas crianças”.

O prefeito também destacou o compromisso da gestão com os bairros periféricos da cidade. Do montante de recursos aplicados, apenas 3% serão investidos na área central, o restante, 97%, serão aplicados em escolas localizadas em bairros periféricos.

A secretária de educação, Mara Belo, disse que o momento é de concretização do compromisso da gestão municipal com a educação no município. “Esse é o desdobramento do nosso Planejamento Estratégico de Gestão 2020/2021 que previa a reforma, construção e ampliação de 35 escolas onde já temos, dessas 35, dez escolas em execução, além dos nossos Centros de Educação Infantil, já temos seis em andamento com previsão de conclusão e inauguração para março de 2021. Tudo isso representa o nosso compromisso e responsabilidade com o uso do recurso público, com os princípios da democracia, enxergando sempre os interesses da coletividade”, disse a secretária.

A diretora da escola Irmã Leodgard de Gausepohl, no bairro Uruará, Elizabete Fernandes, comentou sobre o momento. “Esse foi um momento muito especial na nossa vida, a assinatura da reforma da nossa escola então, pra nós que já almejávamos há muito tempo essa reforma foi mais que especial e o sentimento é de alegria, de um trabalho, de um sonho que vai ser realizado”.

Elinete Pimentel, diretora da Escola Municipal Hilda Mota, no bairro Santíssimo, disse que há sete anos esperava por esse momento. “Estou na direção da escola há sete anos e sempre pedi uma reforma geral na escola e este ano, graças a Deus, nós conseguimos e iniciaremos 2021 com uma escola nova, um momento novo, um ano diferente, se Deus quiser para nossas crianças”.

As escolas contempladas são as seguintes:

Escola Municipal Joaquim Cavalcante Maia, no Bairro Santo André, pela empresa Renovar. O valor da obra é de R$ 506.589,77. A escola foi contemplada com ampliação de sala de aula, adaptação dos blocos de serviço e administrativo e reforma geral.

Escola Municipal Dom Floriano, no bairro Maracanã, pela empresa L&M. O valor da obra é de R$ 605.645,16. Esta escola terá ampliação de bloco com três salas de aula, adaptação de bloco de serviço e administrativo e reforma geral.

Escola Municipal Irmã Leodgard de Gausepohl, no bairro Uruará, pela empresa Novel. O valor da obra é de R$ 767.085,67. Os serviços são ampliação de sala de dança, sala de música e sala de informática, adaptação de bloco de serviço e reforma geral da escola.

Escola Municipal Deputado Ubaldo Correa, no bairro Conquista, pela empresa Inducon. O valor da obra é de R$ 1.203.992,64. Será feita ampliação de sala de música, adaptação de bloco de serviço, cobertura de quadra e reforma geral da escola.

Escola Municipal Dr. Alberico Mendes de Nóvoa, no bairro Prainha, pela empresa Tupaiu. O valor da obra é de R$ 281.888,16, para ampliação de jogo de banheiros e reforma geral da escola.

Escola Municipal Fernando José de Leão Guilhon, no bairro Maracanã, pela empresa Tupaiu. O valor da obra é de R$ 867.393,66. Nesta escola será feita reconstrução de bloco de quatro salas de aula, ampliação de sala de A.E.E., adaptação de bloco de serviço, ampliação de sala de informática e reforma geral.

Escola Municipal Pérola do Maicá, no bairro Pérola do Maicá, pela empresa Dourado. O valor da obra é de R$ 550.107,60. O prédio ganhará adaptação de bloco administrativo, ampliação de bloco de serviço, ampliação de sala de A.E.E, sala de informática, sala de aula e reforma geral.

Escola Municipal Professora Hilda Mota, no bairro Santíssimo, pela empresa Carvalho. O valor da obra é de R$ 682.080,38. Será feita ampliação de uma sala de aula, adaptação de bloco de serviço, reforma da escola e da quadra.

Escola Municipal Nossa Senhora de Fátima, bairro de Fátima, pela empresa Ranieri. O valor da obra é de R$ 170.646,48, para reforma geral da escola.

Escola Municipal Magalhães Barata, no bairro Livramento, pela empresa Recon. O valor da obra é de R$ 669.068,76. Os serviços serão de ampliação de bloco administrativo, sala de A.E.E. e reforma geral.

Escola Municipal Profª Eihlah Gentil, no bairro Santarenzinho, pela empresa Projeção. O valor da obra é de R$ 591.362,54. O educandário foi contemplado com ampliação de bloco administrativo, sala de A.E.E. Além da adaptação de bloco de serviço e reforma geral da escola.

RG 15 / O Impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *