Bloqueio da BR-163: Garimpeiros enviam manifesto ao Presidente da República

O grupo denominado Garimpeiros Independentes do Alto Tapajós planeja a realização de um bloqueio de trecho da  BR-163 localizado no distrito de Morais de Almeida, Itaituba. O ato seria uma forma de protesto contra as operações realizadas pelas forças de segurança federal para combater o garimpo ilegal na região.

Para chamar a atenção das autoridades, o grupo enviou manifesto ao Presidente da República,  Jair Bolsonaro, para informar sobre o ato, realizar reivindicações e fornecer informações acerca de data e procedimentos a serem tomados durante a paralisação.  Confira o manifesto na íntegra:

 

MANIFESTO DOS GARIMPEIROS INDEPENDENTES DO ALTO TAPAJÓS
Ofício 001/2022/ITB
Assunto: Paralisação da BR163 em Moraes Almeida, Itaituba/PA
Presidente da República Federativa do Brasil JAIR MESSIAS BOLSONARO

Senhor Presidente,

Através do presente informamos que os GARIMPEIROS INDEPENDENTES DO ALTO TAPAJÓS, no município de Itaituba, no estado do Pará, assumem a partir da data de 11/03/2022, a partir da 00:01 hora, um MOVIMENTO
PACÍFICO DE PARALISAÇÃO DE VEÍCULOS NA BR163, onde não será permitida a passagem de ninguém, salvo carros oficiais e ambulâncias.

O movimento se dá em razão das ações truculentas do governo federal através de seus órgãos que deveriam ser fiscalizadores e educadores, porém tem sido destruidores, desrespeitando o devido processo legal, quando destroem patrimônios aleatoriamente, dentre eles, inclusive bens de propriedade dos garimpeiros, produzindo inclusive outros crimes até mais graves contra os cidadãos que tem seus direitos assegurados pela constituição federal. Um dos objetivos do Protesto, além de exigir que cessem essas operações arbitrárias é reivindicar um TAC entre o Ministério Público Federal com os empreendedores do garimpo do estado do Pará que tem sido alvo de injustiças e não tem conseguido sobreviver com as legislações atuais.

Os manifestantes representam cerca de 200 mil pessoas que dependem exclusivamente da mineração, portanto se mobilizam para manifestação do protesto pacífico que está programada para iniciar às 00h01, do dia 11/03/2022.

Outra reinvindicação emergencial é a liberação de áreas que estão a muito tempo com processos em análise nos órgãos competentes, bem como a possibilidade de licenciamentos que estão paralisados para a exploração das reservas minerais, bem como um novo estudo para revogação e/ou alteração das FLONAS e PARQUES que foram efetivadas de forma arbitrárias pelo governo passado.

O movimento será por TEMPO INDETERMINADO, tendo sua finalização com a liberação da rodovia somente após serem atendidos nas pautas reivindicatórias. Os manifestantes não aceitam mais essas operações desta forma, bem como bens destruídos por parte das entidades fiscalizadoras ambientais, como vem ocorrendo anos. Reiteram que a pauta foi uma promessa do atual presidente Bolsonaro e aguardam uma solução imediata.

Sendo assim, aguardamos uma pauta emergencial com Vossa Excelência.

Itaituba/PA, 10 de março de 2022

 

RG 15 / O Impacto

Um comentário em “Bloqueio da BR-163: Garimpeiros enviam manifesto ao Presidente da República

  • 10 de março de 2022 em 14:37
    Permalink

    Peixes miúdos subservientes e a serviço dos peixes graúdos. Muito abuso desses destruidores implacáveis do meio ambiente. Nada contra a exploração sustentável e responsável dos recursos naturais, pois a sobrevivência de muitos depende desse meio, porém, não é justo que também destruam o meio de vida de outros segmentos profissionais e de serviços. Também não é correta a ganância desenfreada dos tubarões “donos do pedaço”, que não somente exploram as reservas, assim como escravizam a mão de obra. Maquinário sofisticado e de transporte difícil e caro até os locais onde foram encontrados nas ações dos órgãos fiscalizadores, muitos dos quais escondidos ou camuflados, não são coisas de garimpeiros artesanais.

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.