Motociclista morre em acidente de trânsito; vítima usava o celular enquanto pilotava

O motociclista Henrique Lopes Veloso morreu em um acidente na noite de segunda-feira (9/5), na Rodovia Faruk Salmen, em Parauapebas. Ele teria perdido o controle da moto depois de atingir um dos tachões – conhecidos popularmente como “olho de gato” ou “tartarugas” – que ficam na pista. Henrique usava o celular enquanto pilotava.

Henrique pilotava uma motocicleta Honda POP vermelha e, ao chegar à rotatória, próximo a um posto de combustível, teria atendido o celular. Com a distração, acabou atingindo a “tartaruga” da pista e perdendo o controle do veículo.

Ainda com vida, em estado grave, Henrique chegou a ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), mas não resistiu aos ferimentos. Ele teve fraturas no fêmur direito e na clavícula esquerda.

Henrique morava na cidade de Parauapebas em função do trabalho. A sua mãe, moradora de Itupiranga (PA), recebeu a notícia do falecimento por parte do patrão do filho e se dirigiu ao município para realizar o reconhecimento do corpo junto ao Instituto Médico Legal (IML).

A atitude de Henrique antes do acidente – atender o celular na direção do veículo – é uma infração gravíssima, segundo Código de Trânsito Brasileiro (CTB), marcando sete pontos na CNH e gerando uma multa de R$ 293,47. Além disso, usar o celular enquanto dirige já é a terceira maior causa de acidentes de trânsito, com morte, no Brasil, segundo a Associação Brasileira de Medicina de Tráfego (Abramet).

Foto: Reprodução.

Fonte: O Liberal com informações do Correio de Carajás.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.