Duplo homicídio: Homens são executados a tiros por dupla encapuzada em Ananindeua

A noite do último sábado (18) foi violenta no bairro Centro, em Ananindeua, Região Metropolitana de Belém (RMB). Um duplo homicídio foi registrado na rua Paulo Maranhão por volta das 22h40. As vítimas são dois homens, identificados como Adnei dos Santos Araújo, de 33 anos, e Rafael da Silveira de Medeiros, de 28 anos. Eles estariam consumindo bebida alcoólica quando foram executados a tiros por homens encapuzados. A Polícia Civil instaurou um inquérito para apurar o caso.

De acordo com o boletim de ocorrência registrado no 29° Batalhão de Polícia Militar (29º BPM), a viatura 2907 estava realizando rondas na rodovia BR-316 quando, por volta das 22h40, foi acionada por um entregador de lanches, que informou que um homem havia sido baleado no final da rua Paulo Maranhão, em frente a uma residência. A guarnição foi até o local e constatou que havia duas vítimas, ambas já sem sinais vitais.

Testemunhas relataram aos policiais que Adnei e Rafael estavam reunidos no local consumindo bebida alcoólica, quando um Fiat Uno de cor prata chegou. Dois homens encapuzados, então, desceram do veículo armados e atiraram várias vezes em direção às vítimas. Ambos morreram na hora, sem chance de serem socorridos. A dupla de criminosos, em seguida, tomou rumo desconhecido e ainda não foi identificada.

A Polícia Militar isolou o local do crime e acionou a Divisão de Homicídios (DH) da Polícia Civil, que deu início às investigações. Uma equipe da Polícia Científica do Pará (PCP) foi responsável pela perícia criminal e pela remoção dos corpos para o Instituto Médico Legal (IML), de onde foram liberados para sepultamento. Os trabalhos foram concluídos por volta das 3h da madrugada de domingo (19).

Os dois criminosos que executaram as vítimas ainda não foram identificados até o momento. A Polícia Civil pede que qualquer informação que ajude a localizar os autores do crime sejam repassadas às autoridades via Disque-Denúncia (181) ou pelo Centro Integrado de Operações – Ciop (190). Não é necessário se identificar e a ligação é gratuita.

Fonte: O Liberal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.