Sol tem maior erupção em quatro anos

O Sol produziu na última terça-feira (15) sua maior erupção dos últimos quatro anos, o que indica um novo ciclo de atividade solar, após um longo período de calma, informou a Nasa (agência espacial americana).

– O Sol produziu sua primeira explosão de categoria X, a mais elevada, em mais de quatro anos.

O Observatório de Dinâmica Solar da Nasa registrou um flash de radiações ultravioletas de forte intensidade em uma região muito ativa do hemisfério Sul do Sol, correspondente à mancha número 1158.

O hemisfério Sul do Sol era até agora menos ativo que o Norte.

A erupção foi precedida por várias explosões de menor potência, das categorias M e C, nos dias anteriores.

Essa forte erupção foi acompanhada pela ejeção de massa coronal, uma forte explosão magnética na coroa do Sol que lançou ao espaço plasma ionizado a cerca de 900 km por segundo, prevista para atingir a órbita da Terra nesta quinta-feira (17).

As erupções solares dessa potência podem provocar graves perturbações nas telecomunicações, na Terra e no espaço, assim como nos sistemas de distribuição elétrica, advertiu a Nasa.

Em 1972, uma tormenta magnética provocada por erupção solar deixou 6 milhões de habitantes da cidade de Quebec, no Canadá, sem energia elétrica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *