Polícia Federal prende estelionatários em Santarém

Cartões de crédito e dinheiro apreendidos pela PF

A Polícia Federal em Santarém (PF) prendeu na manhã de ontem, sexta-feira, em Santarém, dois homens acusados de clonagem de cartões de crédito em caixas eletrônicos da cidade. Os elementos Paulo Sérgio Alves de Lima, natural do Rio de Janeiro, e Marcílio Sousa Silva, natural do Ceará, estariam realizando saques de contas bancárias e em casa lotéricas com cartões falsificados.

De acordo com o agente da PF, Márcio Borges, a prisão dos dois acusados surgiu a partir de denúncias de movimentações em contas bancárias de clientes. Com os acusados a PF apreendeu diversos cartões de crédito, cheques, cinco aparelhos celulares, dois notebook, uma impressora e dois equipamentos conhecidos como ‘chupa cabra’, que servia para copiar os dados dos cartões de clientes.

Polícia apreendeu máquina de clonar cartão, cartões de crédito e outros objetos

Paulo Sérgio foi preso em um hotel do centro comercial de Santarém com uma grande quantidade de cartões clonados, enquanto que Marcílio foi preso ao fazer um saque de R$ 1.000 em uma casa lotérica. Segundo a PF, os dois estelionatários já haviam sacado um montante de R$ 5 mil só na manhã de ontem. A Polícia investiga para saber se eles têm envolvimento em outros crimes na cidade. Além dos objetos, a polícia ainda encontrou uma lista com os endereços das principais agências bancárias da cidade.

Os dois serão indiciados pela PF por estelionato e falsificação e serão encaminhados para o Setor de Triagem da Penitenciária Agrícola de Cucurunã.

Fonte: RG 15/O Impacto e Martha Costa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *