Novas casas do PAC são construídas no Uruará

Novas casas do PAC no Uruará

A empresa Mello de Azevedo, contratada pela prefeitura de Santarém para executar obras do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC do governo federal, iniciou mais uma etapa de construção de casas populares no bairro Uruará. As novas residências são levantadas em um terreno no próprio bairro e vão beneficiar famílias que vivem em condições de risco e que já estão cadastradas junto à equipe do PAC Social.

Estão sendo construídas 85 residências no local, mas de acordo com o setor de engenharia da secretaria municipal de Infraestrutura – SEMINF, outras 46 casas do PAC já foram construídas no bairro. O secretário municipal de Infraestrutura, Inácio Corrêa, destaca que o grande diferencial das novas residências é que elas não serão conjugadas. “Os moradores não estavam totalmente satisfeitos com o padrão do governo federal em construir duas casas, parede com parede. Quando assumi a SEMINF, conversei com a prefeita Maria do Carmo e nos empenhamos bastante no sentido de atender ao desejo dos moradores e conseguirmos que agora, cada um tenha sua moradia de forma individual e com mais conforto”, ressaltou.

Na próxima semana, a empresa responsável pelas obras do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC irá contratar mais pessoas para trabalhar na construção das moradias para que não haja atraso na entrega das casas. A preferência é que sejam chamados trabalhadores do próprio bairro. “O interessante é que os comunitários estarão ganhando para construir a própria casa. Esse é o objetivo do PAC, melhorar a qualidade de vida e gerar emprego e renda para a população. Na próxima semana, deveremos iniciar a construção de 39 casas no bairro Mapiri”, informou Inácio Corrêa.

O PAC também atua com outras frentes de trabalho nos bairros Mapiri e Uruará. Seguem por exemplo, a compactação de aterro em algumas áreas e a construção das Estações de Tratamento de Esgoto – ETE. No Uruará, o trabalho na ETE está na fase de instalação das fundações. No Mapiri, as obras estão bastante adiantadas.

Além de proporcionar melhorias nas condições sanitárias, as ETEs vão possibilitar a diminuição dos impactos ambientais ocasionados por esgotos no rio. Os equipamentos internos das estações já estão prontos e devem chegar a Santarém em dezembro para serem instalados. As duas estações devem começar a operar a partir de março do próximo ano.

EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO – A secretaria municipal de Transporte (SMT), da prefeitura de Santarém, em parceria com o Colégio Dom Amando (CDA), promoveu ontem, sexta-feira (30), uma Blitz de encerramento da Semana Nacional do Trânsito 2011. O tema da ação que teve como público alvo os condutores de veículos, foi: “Juntos Podemos Salvar Milhões de Vidas”. Na oportunidade, agentes de trânsito e alunos do CDA entregaram material educativo de trânsito. Os veículos também foram adesivados na área interna do CDA.

Fonte: RG 15/O Impacto e Nelma Bentes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *