Justiça manda interditar frigoríficos

Juiz Gleucival determinou interdição

Por determinação da Justiça de Itaituba o frigorífico Vale do Tapajós – Frivata, que pertence ao empresário José Lemos (Tatá), foi interditado no último dia 10, segunda-feira. Quem assinou a interdição foi o juiz Gleucival Estevão, da Comarca de Itaituba. No despacho, o Magistrado, diz que o referido frigorífico seria fechado em razão de algumas inconformidades encontrada.

O Frivata estava atuando sem a Licença Operacional – LO, que teria que ser liberada pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente – SEMA. O frigorífico fica impedido de comercializar, até que seja todo legalizado.

José Lemos, do Frivata, já recorreu

Com os dois únicos frigoríficos de Itaituba fechado, já que o Frigorífico Frivara já havia sido interditado pela Justiça meses atrás, a população de itaituba já começa a se preocupar com a escassez de carne, bem como a saúde pública deve ficar em alerta para a venda de carne clandestina. Os açougues da cidade se preparam para importar carne de Santarém, já que já está faltando carne em Itaituba.

Em pronunciamento contundente e com ar de muita preocupação, o líder do PMDB na Câmara Municipal de Itaituba, vereador Luiz Fernando Sadeck (Peninha) mostrou preocupação com o fechamento dos frigoríficos Frivata e Frivara, por determinação da Justiça de Itaituba.

Frigorífico Friara também foi interditado pela Justiça

Da tribuna da Câmara na terça-feira, o Vereador fez questão de alertar as autoridades para as conseqüências que isso pode causar. Segundo Peninha, o consumidor pode estar consumido carne clandestina sem nenhum tratamento. Além de que a população vai ter que pagar 30% a mais, a carne vai ficar mais cara, já que será importada de Santarém para Itaituba.

Peninha faz um apelo para que os contribuintes legalizem com urgência seus estabelecimentos, colocando os dois frigoríficos nas exigências que a lei requer.

Por: Nazareno Santos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *