Polícia realiza Operação e apreende mídias piratas em Itaituba

Apreensão de midias e equipamentos

Há vários anos que as polícias Civil e Militar vem promovendo campanha repressiva contra a venda de mídias piratas, sem que se chegue a um denominador comum. Mas na semana passada, com o sugestivo nome de “Operação Paraguai” a Polícia Civil fez a apreensão de computadores, gravadores, tintas e mídias virgens, material esse utilizado para a produção em grande escala de CDs e DVDS piratas.

Uma das apreensões foi em uma banca na 13 de Maio, onde o proprietário foi acusado de ser um dos fornecedores dos CDS e DVDS piratas em Itaituba e na região. Todo o equipamento foi levado para a 19ª Seccional, que farão parte como objetos de inquérito aberto contra os acusados.

Para o delegado José Bezerra, a operação foi decisiva porque de nada adiantaria ficar apenas prendendo as pessoas que saem às ruas para a venda do produto considerado como ilegal e crime contra direitos autorais. Com a apreensão desses equipamentos e produtos piratas, bem como a prisão dos envolvidos, o delegado acredita que vai minimizar, já que antes dessa apreensão também foi feita uma ação contra pirateiros.

Operação Paraguai em Itaituba

Além dos equipamentos, incluindo também CPUS, os policiais apreenderam milhares de mídias já gravadas e outras ainda virgens prontas para serem confeccionadas.

A Polícia conseguiu chegar aos fornecedores obtendo informações em depoimento feito por alguns dos pirateiros que haviam sido detidos na semana passada.  Para José Bezerra, a ação não deve esfriar por considerar que o movimento de vendas de mídias piratas reduziu drasticamente nos últimos dias.

Por: Nazareno Santos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *