MRN garante pescado para a Semana Santa

Projeto de Piscicultura gera renda para comunidade do Trombetas
Projeto de Piscicultura gera renda para comunidade do Trombetas

De olho no consumo por pescado para a Semana Santa, os comerciantes da comunidade Curuçá-Mirim  desembarcam no distrito de Porto Trombetas, nesta semana, para comercializar os peixes criados nos tanques-redes doados pela Mineração Rio do Norte (MRN).

O pescado será vendido na feira de Trombetas até o dia 5 de abril. A expectativa dos comerciantes é colocar no mercado cerca de 800 quilos de peixe, principalmente o tambaqui, muito apreciado na região. O quilo do pescado deverá ficar entre R$ 7,00 e R$ 8,00.

A comunidade Curuçá-Mirim é uma das beneficiadas pelo projeto de Piscicultura da MRN. Com apoio de parceiros, a empresa oferece assessoria técnica, além de insumos para a criação de alevinos.

Doze famílias vivem na comunidade, que é remanescente de quilombos. Seis delas têm a piscicultura como fonte alternativa de renda.

Fonte: RG 15/O Impacto e Érica Bernardo

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *