PF faz buscas nos gabinetes do deputado Eduardo da Fonte e do senador Ciro Nogueira

A Polícia Federal (PF) cumpre mandados de busca e apreensão, nesta terça-feira (24), nos gabinetes do deputado Eduardo da Fonte (PP-PE) e Ciro Nogueira (PP-PI), presidente nacional do partido. A ação foi autorizada pelo ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), relator da Lava Jato. Também são feitas buscas na residência dos dois parlamentares. Há, ainda, mandado de prisão contra o ex-deputado Márcio Junqueira (RR).

O deputado é investigado por associação criminosa ao lado de outros os parlamentares do PP. Ciro Nogueira é alvo de seis inquéritos da Lava Jato. Entre as acusações, ter recebido pelo PP R$ 42 milhões, da J&F, para que o partido apoiasse a reeleição de Dilma em 2014.

Em dezembro, o Supremo rejeitou denúncia contra Eduardo da Fonte por corrupção e lavagem de dinheiro. Ele foi acusado de intermediar uma negociação entre o ex-presidente do PSDB Sérgio Guerra, morto em 2014, e o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa para blindar investigações da CPI da Petrobras no Senado. De acordo com a acusação, em troca, o PSDB recebeu R$ 10 milhões de empreiteiras.

Fonte: Congresso em Foco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *